Ed Whitlock

 

Quando leio certas notícias fico surpresa com o desanimo de algumas pessoas em abraçar algum esporte por se considerarem “idosas”. Como podem constatar, a idade está mais na cabeça do que no corpo e este obedece às ondas cerebrais que emitimos.

O canadense Ed Whitlock, de 81 anos, acabou de estabelecer mais um recorde mundial em sua categoria (80+) ao terminar uma meia-maratona em Ontario, no Canadá, em 1h38’59”. O tempo registrado no último fim de semana bate em 29 segundos o recorde anterior. Meu tempo de meia maratona é de 2 horas e dez e este ” senhor”, com dezesseis anos a mais voa! Meu recorde pessoal, um hora e cinquenta, ainda fica muito aquem do ” velho” Ed…

Foto: Divulgação

A marca foi alcançada poucas semanas após Whitlock voltar a sua rotina normal de treinamentos, já que ele passou vários meses se recuperando de uma queda que resultou na fratura de uma costela.

“Tive problemas de lesão este ano todo e não estou 100% em forma. Fiquei aliviado em bater o recorde da meia, pois pensava que seria muito difícil levando em conta que meu treinamento esteve longe do ideal”, declarou o canadense, que detém também o recorde dos 42 km, de 3h15’54.

Foto: Divulgação

O próximo desafio para o corredor será no dia 14 de outubro, quando ele deve correr os 42 km da maratona de Toronto. “Não estou 100% certo se vou correr a meia ou a maratona, mas estou pendendo para os 42 km. Minhas expectativas não são muito altas, já que não tenho muito tempo para melhorar até lá”, afirmou. Não podemos perder o resultado deste atleta que honra com muita saúde e energia da “Melhor Idade”, um verdadeiro amante da vida!

 

Adicionar comentário