Desvendando Nelson Rodrigues

NELSON RODRIGUES

Um universo a ser explorado

 

No ano que completaria, se vivo, 100 anos, Nelson Rodrigues tem um universo de homenagens em todas as mídias que faz juz à sua prolífica criação. Nascido recifense, morreu gênio do mundo, onde narrou mazelas, tristezas e dramas vividos por ele e observadas pela sua veia literária. Nelson começou a trabalhar cedo na redação do jornal fundado por seu pai. Na editoria de polícia, observou os relatos de crimes passionais e começou a formar, ali, a imaginação do então adolescente, para se fortalecer como um estilo próprio.

universo rodriguiano começa a se fortalecer em conteúdo e a se transformar – “Polêmico, maldito, conturbado ele fez o que queria à sua maneira e, ao longo de décadas deixou um legado impressionante”. Para mostrar um pouco desse universo, a Editora Évora, pelo selo Generale, traz um livro para comemorar o século de nascimento desse cronista brasileiro, que é importante também na dramaturgia brasileira. Desvendando Nelson Rodrigues – principais adaptações da literatura para o cinema e a televisão do escritor e professor de literatura Alexandre Callari. A publicação traz uma breve biografia do anjo pornográfico, apresentando algumas obras escritas especialmente para o cinema e para a TV.

Responsável por uma obra extensa, Nelson pode ser considerado o cronista da sociedade e seus textos continuam vivos e pulsantes nos dias de hoje, ao narrar infidelidade, amor e crimes passionais. O universo rodriguiano é hoje um capítulo a parte da história da literatura, do cinema e da televisão nacional. 

O livro de Alexandre Callari, apresenta pesquisas profundas e uma análise completa da ampla produção de material do protagonista, contextualizando o momento em que se desenrola e oferecendo ao leitor bases para que ele decifre a influência rodriguiana na produção atual.

Foto: Divulgação

 

SOBRE O AUTOR

Alexandre Callari graduou-se em Letras. É escritor, tradutor, palestrante e aficionado por cinema, teatro, televisão e quadrinhos. No passado, também trabalhou com música e artes marciais. É autor de vários livros, dentre eles Apocalipse zumbi – os primeiros anos e da aclamada série Quadrinhos no cinema.  Traduziu para o português obras como Conan – o BárbaroNos bastidores do Pink Floyd e Branca de Neve – os contos clássicos, publicadas pela editora Generale. Proprietário de uma coleção de mais de 13.000 quadrinhos antigos, Callari viaja pelo país fazendo exposições das suas edições raras. É editor e apresentador do site Pipoca & Nanquim, com Bruno Zago e Daniel Lopes, em que faz o que realmente adora: falar de cinema e quadrinhos. Atualmente, é um dos editores das revistas DC no Brasil. Desde a adolescência, lê Nelson Rodrigues, tendo assistido a várias peças e a filmes adaptados de sua obra. Para Callari, a publicação de Desvendando Nelson Rodrigues é a realização de um sonho antigo de prestar uma homenagem a esse gigante da cultura brasileira.

 

Adicionar comentário