Batalha de arroz num ringue para dois

Depois do grande sucesso em São Paulo, chega ao Rio, no dia 05 de abril, no Teatro Vannucci, um dos maiores sucesso de Mauro RasiBatalha de Arroz num Ringue para Dois”. A nova montagem, com Nívea Stelmann e Maurício Machado, presta uma homenagem aos 10 anos de falecimento do autor e aos 10 anos da última montagem que estreou no mesmo teatro. A peça conta a história de Nélio e Ângela, um casal que passa por diversas situações e momentos da vida, denominadas pelo autor como ‘bodas’. O texto retrata a trajetória de um casal atípico de uma forma bem-humorada, deixando claras as transformações vividas por cada um e as diversas fases do casamento.

Na primeira parte do espetáculo, o público acompanha o casamento dos personagens e na sequência as aventuras desse divertido casal nessas quatro bodas que se sucedem:

  • Bodas do Ciúme – mostra o início do amor, com crises de ciúmes infantis. Quando Nélio, ciumento patológico, não desgruda dela. O homem tem tanto ciúme de Ângela, que acaba inviabilizando a vida da mulher.
  • Bodas da Egolatria – Nélio é um marido pateticamente alucinado, preocupado com o mundo. Não vê mais a mulher, lê jornal e relembra os escândalos políticos do país, ignorando e sem escutar Ângela.
  • Bodas da Supressão – apresenta a mulher insegura e atrapalhada, uma marionete que vai se quebrando em cena. Uma contradição entre o homem que vê defeito em tudo o que a mulher faz ou tenta fazer, mas sempre da forma mais educada e carinhosa.
  • Bodas da Paixão – Ângela desesperada tenta salvar o casamento. Ouve falar que as gueixas são as melhores esposas do mundo. Ao chegar em casa, Nélio se depara com uma nova mulher, totalmente mudada: oriental e submissa.

Mauro Rasi (1949 – 04 de abril de 2003) abordou o tema despretensiosamente e fez com que seu texto, escrito em 1983, no auge da corrente denominada teatro-besteirol, se tornasse um clássico da comédia nacional e peça emblemática do gênero. Os casamentos sempre inspiraram muitas piadas. A comédia “Batalha de Arroz num Ringue para Dois” é um exemplo original de que o assunto ainda dá muito pano para manga. 

Foto: Divulgação

SOBRE O ESPETÁCULO 

O espetáculo teve duas únicas montagens de muito sucesso, todas elas sempre com Miguel Falabella atuando, em 1984 ao lado de Bia Nunes e em 2004, com Claudia Gimenez e depois Claudia Raia. Em 2013, Miguel Falabella continua presente e é o padrinho da montagem, onde faz participação especial numa locução em OFF como importante personagem no texto: o Padre que celebra o casamento deste enlouquecido casal. Heloísa Périssé também empresta sua voz para a participação como uma vizinha faladeira.

Com equipe inteiramente carioca, a peça teve sua estreia em São Paulo, e na cidade marcou a estreia de Nívea Stelmann nos palcos paulistas. A montagem comemora ainda os 25 anos de carreira de Maurício Machado, que tem longa experiência no teatro e o desafio de viver o personagem que foi escrito para Miguel e só representado por ele. A direção de Jacqueline Laurence tem resultado igualmente hilário, pois amplifica a realidade de alguns, ou a maioria, dos casamentos seguindo os apontamentos do autor.  Segundo Miguel Falabella, “Mauro (Rasi) tinha isso, ele pegava uma lente de aumento que distorcia, mas ao mesmo tempo deixava tudo crível“. A montagem marca também o fato de ser a primeira obra de Mauro Rasi a ser realizada após o falecimento do autor em 2003, que até então tinham seus pedidos de montagem negados por seus herdeiros.

Portanto, Batalha de Arroz num Ringue para Dois é uma bela ocasião para se homenagear os dez anos do falecimento de Mauro Rasi, um genuíno dramaturgo autor de enormes sucessos do teatro como: ‘Pérola’, ‘Doce Deleite’, ‘A Estrela do Lar’, ‘A Cerimônia do Adeus’, ‘A Bofetada’, ‘A Dama do Cerrado’, ‘Baile de Máscaras’, ‘5 X Comédia’, ‘As Tias do Mauro Rasi’ entre muitas outras. 

SERVIÇO 

Temporada: 05 de abril a 02 de Junho

Local: Teatro Vannucci – Shopping da Gávea (Rua Marquês de São Vicente, 52/3º piso) – RJ

Sessões: Quintas; Sextas e Sábados, às 21h30, e Domingos, às 20h30.

Gênero: Comédia

Foto: Divulgação

 

Adicionar comentário