2 dicas nos EUA

 

Caso você esteja de passagem ou visitando Washington, D.C., não viaje antes de conhecer um restaurante chamado Little Serow (1511 17th St NW, Washington, DC 20036). Está aberto de terça a quinta, das 17.30 às 22h da noite e às sextas e sábados das 17.30 às 22.30h, não abrindo aos domingos.

O restaurante não faz reservas e custa em média quarenta e cinco dólares por cabeça. Serve pratos tailandeses do norte e nordeste. Todas as terças feiras, o cardápio sofre alterações e os pratos servidos não podem ser modificados pelos clientes. Apesar dessas limitações, a comida é imperdível. Sua cozinha transformacional, apimentada e agridoce é fabulosa. O menu fixo é acompanhado por vinhos sugeridos pela casa já que diante dos temperos e aromas, determinadas bebidas pareceriam por demais suaves, perdendo a personalidade exigida nestas circunstâncias.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O staff é atencioso e eficiente. São apenas vinte e oito lugares, incluindo os oito assentos do balcão.  A música de fundo é country e western e a decoração bem simples, com paredes de cimento e teto de metal. Dentre os acepipes eventualmente ofertados, as couves de Bruxelas são tidas como as melhores dentre as melhores! As costeletas de porco marinadas e as berinjelas assadas no carvão, divinas, os pratos se combinando como notas de uma escala musical!

Outra sugestão imperdível, desta vez na Philadelphia. Acredite ou não, vale experimentar um restaurante vegetariano (vegan cuisine). Deus me livre? Só diga isso depois de visitar o Vedge, pois sua opinião vai mudar… Anote o endereço: 1221 Locust St Philadelphia, PA 19107. As mesas são grandes e confortáveis e o serviço impecável. A comida e o atendimento adquirem uma dimensão impensável num restaurante vegetariano. Não se tem ideia como pode haver tanto sabor em pratos onde manteiga, creme, leite, ovos e outros “must” culinários não são utilizados.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgaçção

O Chef Richard Landau teve ter alguma fada madrinha que com sua varinha de condão salpica de poeira mágica potes e panelas! O Vedge prova ao cliente como o preparo da refeição vegetariana atingiu patamares de alto nível, equilibrados e saborosos. Até os clientes são como os de qualquer restaurante: não espere encontrar “nerds”, com ares pálidos e lânguidos. Nada diferente de qualquer outro lugar, a não ser que peixe e carne… não estão presentes.

Anote no seu caderno de viagens: Little Serow e Vedge – depois conte ao Portal Amantes da Vida como foi sua experiência gastronômica no local!

Adicionar comentário